top of page
Edições anteriores

25 anos de HISTÓRIA

 

Estreada pelo Institut français du Portugal e apoiada pela rede nacional das Alliances Françaises em Portugal, a Festa do Cinema Francês é o primeiro festival exclusivamente dedicado à produção cinematográfica de um país estrangeiro em Portugal. A sua primeira edição reuniu, em 2000, uma quinzena de filmes durante quatro dias em Lisboa, mas esta celebração do cinema francês em toda a sua diversidade, rapidamente tornou-se num importante evento da agenda cinematográfica e cultural portuguesa, acolhendo convidados excecionais como Jean-Louis Trintignant, Agnès Varda, Isabelle Adjani, Claire Simon, Arnaud Desplechin, Agnès Jaoui e Costa-Gavras. Em 2020, em função da pandemia de COVID-19, a Festa viu-se obrigada a reduzir a quantidade de filmes apresentados, bem como a sua abrangência geográfica. No entanto, lançou uma versão on-line, realizou um workshop de casting para atores portugueses e promoveu debates com realizadores e críticos da atualidade. Em seguida, a Festa bate recordes a cada ano de público, sendo um encontro incontornável do cinema francês em Portugal. 

cartaz-FCF2023.jpg
24ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 24ª Festa do Cinema Francês percorreu onze cidades portuguesas - 5 de outubro a 31 de novembro de 2023. No total, as 251 sessões organizadas em todo o país contaram com a presença de 21.317 espectadores. No Cinema São Jorge, 10.952 espectadores estiveram presentes ao longo de 10 dias de exibição, perfazendo a média de 1095 espectadores diários.

O ano de 2023 marcou o regresso da Festa ao Baixo Alentejo, na cidade de Beja, além de uma extensão na região norte, pois, somando-se ao Porto e Viseu, também Braga integrou o mapa desta edição da Festa.

FCF2022-thumb pt.jpg
23ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 23ª Festa do Cinema Francês percorreu 10 cidades portuguesas, de 26 de outubro a 20 de novembro de 2022. No total, as 254 sessões organizadas nas 15 salas afiliadas ao evento reuniram 23 864 espectadores. Após dois anos conturbados pelas restrições sanitárias sem precedentes, esta edição marcou o retorno à normalidade há muito esperada. A Festa atingiu o seu recorde de frequência no Cinema São Jorge (12.902 espectadores), onde terminou com um belo momento festivo em torno do grupo de jazz cigano Tributo a Django Reinhardt. E, pela primeira vez, a Festa foi a Lagos e ao Funchal!

mupis-FCF21.jpg
22ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 22ª Festa do Cinema Francês estendeu-se ao longo de todo o mês de Outubro. A novidade deste ano foi o regresso do festival a um maior número de cidades, graças a uma parceria com os Cinemas NOS, que percorreu as salas de cinema deste distribuidor em Braga, Évora, Faro e Viseu, o que denominamos como o Tour do Cinema Francês por Portugal.

fcf2020-2_edited.jpg
21ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

Uma particularidade desta edição 2020 foi a transmissão de uma seleção de filmes em streaming para todo o território português, em paralelo a exibição em sala. Todos puderam aproveitar a programação da Festa, sem prejuízo das medidas de proteção e segurança em relação à Covid-19. Clique nos ítens da lista abaixo e saiba mais sobre a 21ª edição da Festa do Cinema Francês.

20FCF_cartaz_vertical_Lfinal_RGB.jpg
20ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 20ª Festa do Cinema Francês percorreu 8 cidades portuguesas: Lisboa, Setúbal, Almada, Coimbra, Porto, Leiria, Portimão e Beja de 3 de Outubro a 8 de Novembro e celebrou a criação cinematográfica francesa e a sua cada vez maior diversidade. Com uma selecção de vinte e dois filmes, representam um encontro muito esperado e privilegiado com a mais recente produção cinematográfica francesa e os seus criadores e atores. Contamos com a presença de mais de vinte convidados de prestígio! A 20ª edição foi também um momento para rever grandes clássicos. Em parceria com a Cinemateca Portuguesa, prestaremos HOMENAGEM à única e maravilhosa Agnès Varda com uma seleção dos seus filmes, inclusive o seu último Varda par Agnès. Este parceiro essencial apresentou igualmente uma RETROSPECTIVA dedicada à grande figura do cinema e do teatro francês Jean-Louis Trintignant. 

A4_19-FESTA.png
19ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

O Institut français du Portugal apresenta, de 4 de Outubro a 11 de Novembro de 2018, a 19ª Festa do Cinema Francês, que vai passar por 11 cidades. A produção mais recente em antestreia, com presença de realizadores e actores; o olhar retrospectivo sobre a filmografia de uma personalidade francesa do cinema mundial; o cinema de animação e masterclasses ACID; e as primeiras obras, são também componentes deste aguardado encontro anual da rentrée cultural em Portugal, organizado pelo Institut français du Portugal, a Embaixada de França e a rede das Alliances Françaises. Com abertura oficial em Lisboa, partindo depois para as restantes cidades de Almada, Coimbra, Leiria, Porto, Aveiro, Beja, Faro, Seixal, Viana do Castelo e Setúbal, a Festa do Cinema Francês traz, de novo, a diversidade, riqueza e pluralidade de olhares da produção cinematográfica francesa.

18festadocinemafrances-205x300.jpg
18ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 18ª edição da Festa do Cinema Francês organizada pelo Institut français du Portugal e a Embaixada de França, em colaboração com a rede de Alliance française, realizou-se de 5 de outubro a 12 de novembro em 12 cidades portuguesas, tendo-se a Vila de Cascais juntado, pela primeira vez, a este encontro maior da cinematografia francesa e que marca a rentrée cultural em Portugal. Presença de vários artistas convidados: Thierry Frémaux, realizador, director do Institut Lumière e do Festival de Cannes, Arnaud Desplechin, realizador e padrinho desta edição, Laurent Grousset, Presidente da Fundação Jean-Pierre Melville , Lila Pinell e Chloé Mahieu, realizadoras, Renaud Monfourny, fotógrafo e co-fundador da revista “Les Inrockuptibles”...

17festadocinemafrances-215x300.png
17ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

Organizada pelo Institut français du Portugal e a Embaixada de França, em colaboração com a rede de Alliance française, esta manifestação cultural emblemática, chegou à sua 17ª edição, que se iniciou a 6 de outubro, na prestigiada sala do Cinema São Jorge em Lisboa, prosseguindo o seu périplo através do país até 13 de Novembro de 2016. As 11 cidades que acolheram este evento: Almada, Aveiro, Beja, Coimbra, Faro, Leiria, Lisboa, Porto, Seixal, Setúbal e Viana do Castelo.

16festadocinemafrances-204x300.png
16ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

a 16ª edição aconteceu a 8 de outubro na prestigiada sala do Cinema São Jorge em Lisboa, prosseguindo o seu périplo através do país até ao fim de Novembro. Foram 18 as cidades que acolheram este evento: Almada, Aveiro, Beja, Braga, Caldas da Rainha, Coimbra, Évora, Faro, Guimarães, Leiria, Lisboa, Portimão, Porto, Santarém, São Pedro do Sul, Seixal, Setúbal e Viana do Castelo. Sempre com uma programação inédita e rica em diversidade, (este ano são 40 antestreias das quais 7 são antestreias mundiais), a Festa do Cinema Francês permitiu abordar e redescobrir todos os géneros da produção cinematográfica francesa. Jean-Jacques Annaud foi o Padrinho desta 16ª edição. Apresentou, na abertura e em antestreia, o seu filme Le Dernier Loup. Mas esta Festa é sempre uma ocasião para descobrir, ou redescobrir, os grandes clássicos do cinema de autor com Jacques Doillon. Este grande cineasta francês esteve em Lisboa para a retrospectiva da sua obra, que apresentamos em parceria com a Cinemateca Portuguesa.

15FESTA.png
15ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

O Instituto Francês de Portugal organizou  a 15ª Festa do Cinema Francês de 2 de Outubro a 22 de Novembro de 2014 em 18 cidades.

14FESTA.jpg
14ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

O Instituto Francês de Portugal organizou a 14ª Festa do Cinema Francês que aconteceu de 10 de Outubro a 10 de Novembro de 2013, em diversas cidades do país. O evento inaugurou em Lisboa no dia 10 de outubro com a antestreia de Camille Redouble, com a presença da realizadora Noémie Lvovski. L’Écume des jours de Michel Gondry, Grand Central de Rebecca Zlotowski e Jeune et Jolie de François Ozon, são outros dos filmes em antestreia na Festa do Cinema Francês. A actriz, realizadora e cantora Agnès Jaoui foi este ano a Madrinha do festival e foi possível conhecê-la nas três vertentes artísticas. Do programa destaca-se também a exibição, da cópia restaurada, de um grande clássico do cinema francês: Hiroshima meu amor de Alain Resnais. A programação inseriu-se no programa Paris-Lisboa, que celebrou os 15 anos do Pacto de Amizade entre Lisboa e Paris.

13FESTA.jpg
13ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

De 4 de Outubro a 9 de Novembro de 2012, as cidades de Lisboa, Almada, Faro, Porto e Guimarães, acolheram a 13ª Festa do Cinema Francês.

12festadocinemafrances.jpg
12ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

De 6 de Outubro a 8 de Novembro de 2011, as cidades de Lisboa, Almada, Porto, Guimarães, Faro e, por fim, Coimbra, acolherão sucessivamente a 12ª Festa do Cinema Francês. Carole Bouquet aceitou ser a madrinha da 12ª Festa do Cinema Francês e partilhou com o público uma selecção de filmes que marcaram o seu percurso. O festival quis prestar uma homenagem sem precedentes a uma grande personalidade do cinema francês, Anouk Aimée. Uma secção principal de 20 filmes em antestreia, organizada em colaboração com os distribuidores portugueses, deu a descobrir ao público as mais recentes obras da produção cinematográfica francesa. Um grande número de convidados acompanhou a apresentação dos seus filmes, entre os quais Radu Mihaileanu, com La Source des femmes; Mia Hansen-Love, com Un Amour de Jeunesse; Christine Laurent, com Demain ?; ou ainda Mahamat Saleh Haroun, com Un Homme qui crie. De forma a prolongar o prazer sentido ao longo das edições anteriores, o festival apresentou “cópias restauradas”, convidando a redescobrir filmes de Georges Méliès e de Pierre Étaix. 

11festadocinemafrances.jpg
11ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 11ª Festa do Cinema Francês aconteceu de 7 de Outubro a 9 de Novembro de 2010, em seis cidades do país (Lisboa, Almada, Porto, Guimarães, Faro e Coimbra). De primeiras obras de jovens realizadores a obras-primas de realizadores confirmados, a Festa do Cinema Francês oferece um vasto leque de filmes de todos os géneros (drama, comédia, documentário, animação, thrillers…). De entre os filmes apresentados em antestreia, o público vai escolher o seu filme de eleição, atribuindo-lhe o Prémio do público e contribuindo para a sua difusão nas salas de cinema portuguesas. Outros tempos fortes marcam esta 11ª edição. A Festa do Cinema Francês celebra também o regresso do grande Pierre Etaix e do seu universo burlesco apresentand. Um dos mais conceituados festivais internacionais de curtas-metragens, "Sauve qui peut le court-métrage" de Clermont-Ferrand, também esteve presente com uma selecção de filmes premiados nas suas várias edições.

10festadocinemafrances.jpg
10ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 10ª Festa do Cinema Francês, de 7 de Outubro a 10 de Novembro de 2009. É verdade, chegámos às dez edições, um marco importante na vida de um festival que se destaca pela apresentação, na sua secção principal, de antestreias de longas-metragens recentes, de géneros vários e origens diversas, mas com uma produção em comum: a francesa.

9festadocinemafrances.jpg
9ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 9ª Festa do Cinema Francês aconteceu em Lisboa de 2 a 12 de Outubro, Almada de 8 a 12 de Outubro; Coimbra de 13 a 18 de Outubro; Porto de 21 a 26 de Outubro; Faro de 29 de Outubro a 2 de Novembro. O núcleo central da Festa do Cinema Francês apresentou um total de 25 antestreias. Porque 2008 foi o Ano europeu do Diálogo Intercultural, nesta secção daremos uma maior atenção a co-produções com países de todos os continentes, cruzando olhares diversos. Duas novas Secções: A primeira, Cannes em Portugal: Homenagem à Quinzena dos Realizadores do Festival de Cannes onde foram exibidos 10 filmes que passaram na Quinzena nestes últimos anos, nunca antes estreados em Portugal, em Lisboa e no Porto. A segunda secção: Paris-Lisboa, organizada com a Cinemateca Portuguesa, aconteceu em Lisboa e apresentou 10 filmes rodados nas cidades de Paris e de Lisboa.

8festadocinemafrances.jpg
8ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 8ª Festa do Cinema Francês é uma festa de antestreias, com 28 longas-metragens, apresenta as mais importantes obras francesas do ano. Filmes para o grande público, mas também filmes independentes, primeiros filmes, de todos os estilos e géneros, apresentados pela sua qualidade, originalidade, modernidade e potencial cultural. A inauguração tera lugar no dia 3 de Outubro de 2007 no Cinema São Jorge em Lisboa, as 21h. Aconteceu em 6 cidades de Portugal: Lisboa de 3 a 15 de Outubro; Évora de 10 a 12 de Outubro; Coimbra de 15 a 19 de Outubro; Almada de 19 a 21 de Outubro; Faro de 24 a 27 de Outubro e finalmente Porto, de 24 a 28 de Outubro.

7festadocinemafrances.jpg
7ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 7ª Festa do Cinema Francês teve lugar em Portugal de 4 de Outubro a 21 de Novembro 2006. As projecções aconteceram em Lisboa de 4 de Outubro a 21 de Novembro; em Coimbra de 16 a 21 de Outubro; em Faro de 19 a 21 de Outubro; no Porto de 24 a 29 de Outubro; em Almada nos dias 25 e 26 de Outubro; em Évora de 26 a 28 de Outubro; no Funchal de 13 a 16 de Novembro. A 7ª Festa do Cinema Francês é: 32 ante-estreias de filmes de produção francesa, presença de uma delegação artística que acompanha os diferentes filmes de abertura, homenagem ao canal de televisão a 2: A História dos “Cahiers du Cinema” em 20 filmes, uma programação especial na RTP1 e na RTP2, um sítio Internet.

6festadocinemafrances.jpg
6ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 6ª Festa do Cinema Francês é um festival de longas metragens muito recentes, inéditas em Portugal e propostas em ante-estreia. Este ano a Festa é acolhida por quatro cidades do país e propõe um total de 32 filmes. O festival oferece um largo panorama da produção francesa do ano. Todos os estilos estão representados: comédias, dramas, policiais, thrilers, animação, filmes de família, ficção científica. Dirige-se a todos os públicos e todas as idades. As numerosas co-produções (nomeadamente com Portugal) que permitiram a realização destes filmes, inscrevem a Festa numa perspectiva europeia e internacional, mas também num espírito de defesa da diversidade cultural.

5festadocinemafrances.jpg
5ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 5ª Festa do Cinema Francês aconteceu em Lisboa de 7 a 17 de Outubro (Cinema São Jorge); Porto de 13 a 17 de Outubro (Cinemas Cidade do Porto); Coimbra de 18 a 21 de Outubro (Cinema Millenium Avenida); Faro de 22 a 24 de Outubro (Forum Algarve – Multiplex SBC); Santarém de 29 a 31 de Outubro (Cine-Teatro Sá da Bandeira). Descubra o universo do cinema Francês! Seja o primeiro a ver, em ante-estreia, 30 filmes franceses, emocionantes, sedutores, surpreendentes!

4festadocinemafrances.jpg
4ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 4ª Festa do Cinema Francês vai marcar a sua presença nas cidades de Lisboa (Cinema S. Jorge), Porto (Cinemas Cidade do Porto) e Coimbra (Millenium Avenida), a partir do dia 9 de Outubro. Como não poderia deixar de ser, a Atalanta Filmes associa-se a este evento contribuindo para a respectiva programação com um total de 11 filmes.

3festadocinemafrances.jpg
3ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 3ª Festa do Cinema Francês aconteceu durante o mês de Outubro de 2002 em Lisboa, Porto e Coimbra. A programação, composta unicamente por antestreias, compreendeu um total de 24 filmes, de onde 20 foram difundidos em 35 mm nas salas, 3 em DVD nas lojas FNAC e 1 na cadeia de televisão parceira SIC. O objectivo desta manifestação é dar a conhecer o cinema francês de hoje, e de seduzir um novo público, jovem, cosmopolita e não francófono. O sucesso da 3ª edição esteve à altura e obteve um total mais de 10.500 entradas.

2festadocinemafrances-210x300.jpg
2ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 2ª Festa do Cinema Francês aconteceu nos Cinemas Fórum Lisboa e Nimas, de 10 a 21 de Outubro de 2001.

1festadocinemafrances.jpg
1ª FESTA DO CINEMA FRANCÊS

A 1ª Festa do Cinema Francês desenrolou-se durante o mês de Outubro de 2000, no Fórum Lisboa (antigo Cinema Roma). A programação era composta unicamente por 7 filmes franceses e tinha como objectivo reforçar a presença do novo cinema francês junto do grande público português. Neste ano, a SIC aceitou dar lugar de honra, na sua antena, à manifestação e aos artistas que acompanhavam os seus filmes. E a Cinemateca Portuguesa recebeu uma segunda série de filmes que ilustravam a variedade dos novos autores do cinema francês.

bottom of page